23/06/2021 SINPOL - RS integra manifestação contra a Reforma Administrativaphoto

O SINPOL – RS, Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do RS, participou nesta quarta-feira, 23/6, da mobilização contra a Reforma Administrativa organizada em nível nacional pela COBRAPOL. As entidades manifestaram-se contra PEC-32, Emenda Constitucional que promove diversos ataques aos direitos conquistados pelas categorias que atuam nas forças de segurança e demais servidores públicos do poder executivo. Dentre as maldades no texto da Proposta de Emenda Constitucional, destacamos a possibilidade de reduzir os proventos dos aposentados e pensionistas, caso os gastos atinjam o teto estipulado. A PEC-32 também exclui a possibilidade de promoção por antiguidade (tempo de serviço), dentre outros retrocessos.
A Diretoria do SINPOL – RS esteve presente no encontro, juntamente com representantes do Sindicato dos Servidores do Instituto Geral de Perícias do RS e UGEIRM. Na primeira parte da mobilização, ocorrida em frente ao Palácio da Polícia, os presidentes dos sindicatos estiveram reunidos e acompanhados dos agentes da PC/RS para declarar indignação frente as propostas contidas no texto da PEC-32.
 

No final da manhã o grupo que estava organizado em frente ao Palácio da Polícia, foi até a sede da Polícia Federal, integrar a paralisação com os servidores da Polícia Federal, representada pelo Sindicato dos Policiais Federais do Rio Grande do Sul, sendo recebidos pelo agente da Polícia Federal e presidente da entidade, Julio Cesar dos Santos. O ato ocorreu no saguão da sede da PF e contou com as manifestações do presidente Mário Flanir (SINPOL – RS), Carla Rosana Jung (SindiPerícias), Julio Cesar dos Santos (SINPEF RS) e Issac Ortiz (UGEIRM), que proferiram seus discursos exaltando a importância dos servidores que atuam na segurança pública e ressaltaram o pacote de medidas nocivas às categorias, contido na PEC-32.
 

Postada por Comunicação Sinpol/RS