22/11/2017 Votação de projeto que regulamenta jogos de azar é adiada na CCJphoto

Procuradoria da República diz que, se aprovado, apostas irão facilitar lavagem de dinheiro e sonegação


A Comissão da Constituição e Justiça (CCJ) do Senado deve adiar a votação do PLS 186/2014, que autoriza a exploração de jogos de azar em todo o território nacional. O projeto consta na pauta da comissão, que estava reunida por volta das 12h, mas não deve ser apreciado na sessão desta quarta-feira, a pedido do próprio relator, o senador Benedito de Lira (PP-AL).

O parlamentar pediu para que o item fosse retirado da pauta para que ele possa ter mais tempo para analisar emendas que foram apresentadas ao projeto. Com isso, a previsão é que o texto seja apreciado na CCJ somente em 2018. Coincidentemente, Benedito de Lira está sendo ouvido neste mesmo horário na 10ª Vara Federal de Brasília e não está presente na sessão.

O parlamentar foi relacionado como testemunha de defesa do ex-diretor da empreiteira Queiroz Galvão Othon Zanoide de Moraes Filho, investigado no âmbito da Operação Lava Jato. Benedito de Lira está testemunhando por videoconferência ao juiz Sérgio Moro. A assessoria de imprensa do senador nega que o adiamento da votação tenha relação com o depoimento à Justiça.

Texto: Correio do Povo

Foto: CP

Postada por Carlos Matsubara